GERAL >

Exposição de artes revela talentos de moradores em situação de rua.

Obras produzidas em oficinas ganharam espaço para apreciação e oportunidades de negócios para o público externo

A Secretaria Municipal de Assistência Social, através da referência especializada para População em Situação de Rua (Centro Pop), e em parceria com o Mucuri Coworing, promoveu no último sábado, 07/07, uma exposição dos trabalhos manuais realizados em oficinas terapêuticas com os usuários do serviço. O projeto Loja Social Estações visa a geração de renda e a inserção produtiva para pessoas em situação de rua.

A Secretária Municipal de Assistência Social e Habitação, Eliane Moreira, disse que as ações são de extrema importância para os usuários do Centro Pop. “Esses trabalhos resgatam a auto-estima e a autonomia dos usuários que participam das atividades terapêuticas. Ajuda a fortalecer os vínculos com a equipe e o resultado é maravilhoso. Eles amam as oficinas e através dos trabalhos realizados restauram projetos e a expectativa de uma vida nova”, destacou a secretária.

A coordenadora do Centro Pop, Aivy Ann Roult Macedo, agradeceu a parceria do Mucuri Coworing, que cedeu o espaço para a realização de mais uma ação. “Esse era um sonho nosso de mostrar os trabalhos produzidos pelos usuários do Centro Pop. A participação deles nos eventos fortalece a auto-estima, efetiva a sociabilidade e a construção de diferentes perspectivas e mudança da realidade, além da possibilidade da promoção de renda com a venda dos produtos expostos, gerando qualidade de vida, promovendo a inserção no mercado de trabalho e propiciando a saída das pessoas da condição de rua”, ressaltou”, Aivy.

Um dos atendidos  no Centro Pop é José Maria Duarte Dias. Ele falou da satisfação em ver suas artes expostas ao público. “É uma forma de reconhecimento e valorização dentro da sociedade. Estamos mostrando nosso trabalho e buscando nossa independência financeira através do que aprendemos nas oficinas”, pontuou Duarte.

Publicado em 09/07/2018, em GERAL.