Alimentos produzidos pela agricultura familiar começam a ser entregues às Instituições de caridade do município

 

Entidades cadastradas no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) começaram a receber os mantimentos produzidos pelos pequenos agricultores do município

Entidades cadastradas no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) começaram a receber os mantimentos produzidos pelos pequenos agricultores do município

A Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento recebeu nesta segunda-feira, 05/03, a primeira remessa de alimentos através de agricultores familiares cadastrados no PAA (Programa de Aquisição de Alimentos). O município aderiu ao programa em fevereiro de 2017, logo no início da atual gestão, e foi contemplado com o valor de 403 mil reais para a primeira etapa do PAA, com a compra de alimentos de agricultores familiares cadastrados.

O secretário municipal de Agropecuária e Abastecimento, Sérgio Marcos Franca, acompanhou o processo de recebimento dos alimentos de perto e revelou que hoje Teófilo Otoni é o município que opera o maior valor de compra da agricultura familiar no Estado. “Toda segunda e terça-feira vamos receber os produtos aqui na Secretaria, que funciona em anexo ao CEASA, e vamos repassá-los às instituições. O PAA vai garantir alimentos de qualidade nutricional às entidades, além de aumentar a renda dos pequenos agricultores”, explicou Franca.

O diretor do O Bom Samaritano, Charley Ferreira (à esquerda), disse que os produtos do PAA vão enriquecer o cardápio da instituição

Uma das primeiras entidades a receber os alimentos foi o Movimento de Recuperação “O Bom Samaritano”, uma Comunidade Terapêutica Cristã que atua na reabilitação de homens em situação de abuso e/ou dependência de álcool e outras drogas. O diretor da instituição, Charley Ferreira Campos, declarou que a doação veio em boa hora. “Nós temos nosso cardápio diário, mas não estávamos conseguindo inserir variedades de verduras e legumes. Mais uma vez agradecemos a administração municipal por ter lembrado das instituições que tanto necessitam”, pontuou Campos.

João Ribeiro Filho é representante do Conselho Municipal do Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS) e lembrou que o trabalho do conselho é buscar apoio à classe dos agricultores rurais. “Esse momento é de suma importância, pois representa o reconhecimento do pequeno agricultor. Um grande acontecimento que beneficiará diretamente 50 agricultores familiares cadastrados no PAA”, disse Ribeiro.

Publicado em 07/03/2018, em Sem categoria.