GERAL >

Vigilância em Saúde é tema de Conferência em Teófilo Otoni

Foi a primeira vez que o assunto é levado a público para discussão, avaliação e elaboração de propostas em conjunto com o poder público

Representantes do poder público e da sociedade civil organizada se reuniram nesta quinta-feira, 27/07, para a 1ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde de Teófilo Otoni. O evento, promovido pelo Conselho Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, aconteceu no auditório da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) durante todo o dia. Após a composição da mesa de honra e execução do Hino Nacional, o presidente do Conselho, Dr. José Roberto Corrêa, fez a abertura oficial da conferência. Ele é o vice-prefeito de Teófilo Otoni, responde pela pasta da saúde no município e, na ocasião, também representou o prefeito Daniel Sucupira, que está em viagem.

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Dr. José Roberto Corrêa, fez a abertura da conferência

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Dr. José Roberto Corrêa, fez a abertura da conferência

Em sua fala, Dr. José Roberto Corrêa destacou a conferência como oportunidade que as pessoas tem de discutir as questões de saúde e solicitar as melhorias que precisam ser implementadas. “A administração atual está aberta para isso, é desejo do nosso prefeito que haja uma maior participação popular para que possamos decidir em conjunto os rumos da saúde no município”, pontuou.

Antes da leitura do regulamento, a professora doutora Lizia Colares apresentou dados sobre patologias

Antes da leitura do regulamento, a professora doutora Lizia Colares apresentou dados sobre patologias

O coordenador da Vigilância Ambiental, Joaniz Lopes, foi um dos palestrantes do dia

O coordenador da Vigilância Ambiental, Joaniz Lopes, foi um dos palestrantes do dia

Antes da leitura do regulamento, a professora doutora em Imunopatologia da UFVJM, Lizia Colares, fez uma explanação introdutória com apresentação de dados quanto à realidade das principais morbidades que tem afetado a população em nível local e nacional. O coordenador da vigilância ambiental do município, Joaniz Lopes, foi responsável por uma das palestras do dia. Para ele, a realização da 1ª Conferência Municipal de Vigilância em Saúde foi de alta relevância para a comunidade teófilo-otonense. “Isso porque, em geral, a vigilância em saúde não é vista pelos administradores públicos como algo de importância para a sociedade. E, na palestra, destaquei que  investir em vigilância não é gasto, o que se tem é uma poupança de despesas com assistência e melhorias da saúde da população”, explicou Joaniz.

O palestrante Alan Patrick discorreu sobre o enfrentamento das iniquidades sociais em saúde

O palestrante Alan Patrick discorreu sobre o enfrentamento das iniquidades sociais em saúde

Outro palestrante que contribuiu para a elaboração das propostas e discussões na conferência foi Alan Patrick. Ele discorreu sobre o enfrentamento das iniquidades sociais em saúde. “Diante das propostas feitas na 15ª Conferência Nacional de Saúde foi sugerido que não haja apenas acesso ao SUS, mas acesso ao SUS de qualidade. Em vista disso, é preciso que a  vigilância em saúde tenha um olhar intrínseco, percebendo qual o seu papel para o enfrentamento das mazelas sociais nas quais a gente vive, porque são as mesmas que são o gatilho para a presença de doenças na nossa sociedade”, salientou o palestrante.

O agricultor João Ribeiro participou pela primeira de uma conferência

O agricultor João Ribeiro participou pela primeira de uma conferência

O agricultor João Ribeiro, morador de Potonzinho, participou pela primeira vez e ficou muito confiante com as propostas surgidas ao final das deliberações. “Com certeza vamos ter um grande êxito nessa conferência para as próximas de maior abrangência porque é das opiniões e ideias do povo, em conjunto com o poder público, que podemos ter um governo melhor”, concluiu João. O próximo passo dos organizadores é a Conferência Municipal de Saúde.

Publicado em 27/07/2017, em GERAL.